Técnicas de Escrever Frases e Anúncios Irresistíveis para Marketing Multinivel

8 Técnicas de Escrever Frases e Anúncios Irresistíveis para Marketing Multinível

Avalie a importância deste artigo! Vote!
[Total: 19 | Média: 4.7]

 

Hoje vou ensinar 8 técnicas poderosas de escrever frases e anúncios para o seu negócio de .

Mas antes disso, vamos ver o que é publicidade em geral.

A publicidade escrita, ou copywriting, é uma arte de vender.

O propósito do trabalho de um copywriter é vender.

A venda é realizada persuadindo com a palavra escrita, da mesma forma que um comercial de televisão vende (se feito corretamente), persuadindo com efeitos visuais e de áudio.

Para compreender corretamente a publicidade ou até mesmo para aprender os seus rudimentos deve-se começar com a percepção correta. A publicidade é a arte de vender. Os seus princípios são os princípios da arte de vender. Os sucessos e fracassos em ambas as linhas são devidas a causas parecidas. Assim, cada questão publicitária deve ser respondida pelos padrões do vendedor.

Claude Hopkins

As dicas nesse artigo têm sido geralmente testadas ao longo do tempo e conhecidas por serem eficazes.

Mas eu não posso de deixar de enfatizar o suficiente que, ao usar estas técnicas, você deve sempre testá-las antes de lançar uma campanha cara de grande porte.

Descubra como atrair um número INFINITO de novos distribuidores para seu negócio de Marketing Multinível

anuncios para marketing multinivel copywriting para marketing multinivel frases para marketing multinivel

 

Às vezes, uma pequena alteração aqui ou ali é tudo o que é necessário para aumentar as taxas de resposta de forma dramática.

 

1. Concentre-se neles, e não em você

Quando um prospecto lê o seu anúncio, brochura, carta, etc., sobre Marketing Multinível, a única coisa que ele vai estar se perguntando desde o início é: “o que é que eu ganho com isto?”

E se o seu texto não lhe diz nada, ele vai parar ao lixo mais rápido do que ele possa ler o título.

Muitos anunciantes cometem este erro. Eles focam-se neles como uma empresa ou oportunidade de negócios. Há quanto tempo eles estão abertos, quais são os seus maiores clientes, que já tem dez anos de pesquisa e milhões de dólares no desenvolvimento do produto, blá, blá.

Na verdade, esses pontos são importantes. Mas devem ser expressos de uma forma que interesse ao seu cliente potencial. Lembre-se, uma vez que o anúncio seja jogado no lixo, a venda está perdida!

Ao escrever os seus textos, ajuda pensar neles como uma carta escrita a um velho amigo. Na verdade, eu muitas vezes imagino um amigo meu que se encaixa melhor no perfil dos meus prospectos. O que eu diria para convencer o meu amigo de forma a que ele experimente o meu produto? Como posso segmentar as objeções do meu amigo e as suas crenças para me ajudar?

Quando você está escrevendo para um amigo, você vai usar os pronomes “eu” e “você”. Ao tentar convencer o seu amigo, você poderia dizer: “Olha, eu sei que você acha que já tentou todas as empresas por aí. Mas você deve saber que … ”

E isso vai além de apenas escrever na segunda pessoa. Ou seja, trate os seus prospectos como “você” nos seus textos. O fato é que há muitos anúncios de sucesso que não foram escritos na segunda pessoa.

Alguns são escritos na perspectiva da primeira pessoa, onde o escritor usa “eu”. Outras vezes, a terceira pessoa é usada, com “ela”, “ele” e “eles”.

E mesmo se você escreva na segunda pessoa, não significa necessariamente que a sua cópia é sobre eles.

Por exemplo:

“Sendo um profissional de Marketing de Rede, você pode-se consolar com o fato de que eu cadastrei mais de 1.000 pessoas na minha empresa e dominei os truques do negócio.”

Embora você esteja escrevendo na segunda pessoa, você está ainda assim focando-se em si mesmo.

Então como você pode ter o foco neles?

Uma das formas é …

 

2. Falar sobre os benefícios, não as características

Quais são as características? Elas são descrições das qualidades que um produto possui.

  • O carro XYZ faz 55 quilômetros por litro na cidade
  • Quadro é feito de um aço leve e durável
  • A nossa cola é protegida por uma patente
  • Esta base de dados tem um sistema interno de busca de dados

E quais são os benefícios? Eles são os resultados para os seus clientes potenciais

  • Você vai economizar dinheiro no gás e reduzir os poluentes ambientais quando você usa o nosso carro híbrido de energia econômica de alto desempenho. Além disso, você vai sentir a potência extra quando você estiver a passar pelos outros carros, é a cortesia do motor elétrico eficiente, que eles não têm!
  • Estrutura de aço leve de liga-durável significa que você será capaz de levá-lo com facilidade, e usá-lo em lugares que outras escadas não conseguem ir, ao mesmo tempo suporta até 800 quilos. Sem dores nas costas ao arrastar uma escada pesada. E como vai durar 150 anos, assim você nunca mais vai precisar de comprar uma outra escada!
  • Cola patenteada garante que você pode usá-la em madeira, plástico, cerâmica, metal, vidro e azulejo … sem limpezas difíceis e sem ter que colar novamente – garantido!
  • Você pode ter instantaneamente a “visão geral” escondida nos seus dados, e tirar as estatísticas mais arcanas sempre que desejar. Veja o seu negócio dar”180″ rapidamente, por você instantaneamente saber o que está a falhar! É tudo feito com a nossa pesquisa de dados do sistema que é tão fácil de usar, até o meu filho de doze anos de idade usou-a com sucesso.

Eu criei estes exemplos, mas acho que você entende o que eu quero dizer.

NOTA: você não está a escrever para impressionar o seu professor de Português ou ganhar um prêmio. O único prêmio que você quer ganhar é que o seu texto venda e bata o seu melhor anúncio anterior, e ao mesmo tempo a ter alguma liberdade na gramática, pontuação e estrutura das frases. Você quer que seja lido e que as pessoas ajam, não lido e admirado!

Mas voltando aos benefícios …

Se você estivesse vendendo um relógio caro, você não iria dizer ao seu leitor de que o rosto do relógio é de 5 centímetros de diâmetro e pulseira é feita de couro.

Você deve mostrar-lhe como a face extra grande vai lhe dizer o tempo num piscar de olhos. Ele não quer ter que andar a procurar as horas no relógio e parecer tolo em frente a todos à sua volta tentando ler este relógio magnífico. E que tal a forma como ele projeta sucesso e carisma quando ele usa o relógio de ouro com a sua bela pulseira de couro de artesanato personalizada? Como o seu amor o vai achar irresistível quando ele está todo arrumado para sair, usando o relógio. Ou como o status e beleza do relógio irão atrair as senhoras.

Aliás, você notou que eu realcei que ver bem é um benefício? Será que isso parece um benefício bobo? Não, se você está vendendo às pessoas que sofrem de visão degradada.

Eles provavelmente odeiam quando alguém que eles estão tentando impressionar os vê a serrar os olhos a tentar ler alguma coisa. Tem tudo a ver com os seus desejos internos, é o que você precisa descobrir. E que mesmo eles podem nem mesmo saber. Isso é…até você lhes mostrar uma maneira melhor.

LEIA TAMBÉM:  Como Divulgar e Convidar Pessoas para Seu Negócio de Marketing Multinível

O ponto aqui é abordar os benefícios do produto, não as suas características. E quando você faz isso, você está se concentrando no seu leitor e nos seus interesses, nos seus desejos. O truque é o de destacar os benefícios específicos (e apalavra-los corretamente) que pressionam os botões emocionais do seu leitor.

Como é que você faz isso?

 

3. Pressionar nos botões emocionais

Aqui é onde a pesquisa realmente compensa. Porque, para pressionar nos botões, você precisa de saber primeiro quais são.

Ouça esta história, e vai entender o que eu lhe quero dizer: era uma vez um jovem que entrou numa determinada concessionária da Chevrolet para ver um Chevy Camaro. Ele tinha dinheiro, e estava pronto para fazer uma decisão de compra. Mas ele não se conseguia decidir se queria comprar o Camaro ou o Ford Mustang quando ia a caminho do concessionário Ford.

Um vendedor se aproximou dele e descobriu logo o dilema do homem.

“Diga-me o que você gosta mais no Camaro”, disse o vendedor.

“É um carro rápido. Eu gosto da sua velocidade. ”

Depois de alguma discussão, o vendedor soube que o homem tinha começado a namorar uma líder da torcida da faculdade. Então, o que é que o vendedor fez?

Simples. Ele mudou o seu discurso e dessa forma carregar nos botões emocionais, porque ele sabia que iria ajudar a promover a venda. Ele disse ao homem que a sua nova namorada iria ficar impressionada quando ele chegar a casa com este carro!

Ele colocou a imagem mental na mente do homem de ele e a sua namorada viajando para a praia no Camaro. E como todos os seus amigos irão ficar com inveja quando o virem andando por aí com uma bela garota num carro bonito.

E de repente o homem teve a visão. Ele entendeu. E o vendedor viu isso e trabalhou nesse ponto. E antes que você dê por isso, o homem escreve um belo cheque à concessionária Chevrolet!

O vendedor encontrou os botões emocionais e carregou neles como nunca antes até que o homem tenha percebido que ele queria mais o Camaro do que ele queria o seu dinheiro.

Eu sei o que você está pensando … o homem disse que gostava do carro, porque ele era rápido, não foi?

Sim era isso. Mas subconscientemente, o que ele realmente desejava era um carro que iria impressionar a sua namorada, os seus amigos, e na sua mente fazerem com que eles gostem ainda mais dele! Na sua mente, ele equiparado velocidade com emoção. Não porque ele queria uma quantidade infinita de multas de alta velocidade, mas porque ele pensava que a emoção iria torná-lo mais atraente, e mais agradável.

Talvez o homem nem sequer tenha percebido este fato. Mas o vendedor percebeu. E ele sabia quais os botões emocionais que tinha que pressionar para obter a venda.

Agora, porque a pesquisa compensa?

Bem, um bom vendedor sabe como fazer as perguntas que lhe dirão quais os botões carregar rapidamente. Quando você está escrevendo textos de vendas, você não tem esse luxo.

Portanto, por isso mesmo, é muito importante conhecer antecipadamente os quereres, as necessidades e desejos dos seus clientes. Se você não tiver feito o seu trabalho de casa, o seu prospecto vai decidir que prefere manter o seu dinheiro consigo do que comprar o seu produto. Lembre-se, copywriting é o vendedor em papel!

Tem sido dito muitas vezes: As pessoas não gostam de ser vendidas.

Mas elas gostam de comprar.

E compram antes de mais nada baseadas na emoção. Em seguida, elas justificam a sua decisão com a lógica, mesmo depois que elas já tenham sido vendidas emocionalmente. Por isso não se esqueça de suportar o seu discurso emocional com a lógica para nutrir a justificação no final.

 

4. Incorporando prova e credibilidade

Quando o seu prospecto lê o seu anúncio sobre Marketing Multinível, você quer ter certeza que ele acredita em todas as reivindicações que você faz sobre o seu produto ou serviço.

Porque se há alguma dúvida na sua mente, ele não vai morder, não importa o quão doce é o negócio.

De fato, a mentalidade “bom demais para ser verdade” praticamente irá garantir ter uma venda perdida … mesmo que seja tudo verdade.

Então o que você pode fazer para aumentar a percepção da credibilidade?

Porque no afinal de contas, é a percepção de que você precisa de resolver. Mas é claro que você também se deve certificar que o seu texto é preciso e verdadeiro.

Aqui estão alguns métodos testados e comprovados que irão ajudar:

  • Se você está lidando com os seus clientes existentes que já sabem que você entrega o prometido, enfatize essa confiança. Não deixe que sejam eles a descobrir isso. Faça-os parar, dizerem que sim com as suas cabeças, e dizer: “Sim. A Empresa ABC nunca me fez mal antes. Eu posso confiar neles. “
  • Incluir depoimentos de clientes satisfeitos. Não se esqueça de colocar os nomes completo e local, sempre que possível.

Lembre-se, “AS” é muito menos convincente do que “Armando Soares, Rio De Janeiro, Brasil.” Você também pode incluir uma foto do cliente e / ou um título profissional, que é ainda melhor.

Não importa se os seus depoimentos não são de alguém famoso ou que o seu prospecto não conhece essas pessoas pessoalmente.

Se você tem depoimentos suficientemente convincentes, e eles são credíveis, você está a fazer um trabalho muito melhor do que se os não incluir.

  • Apimente os seus textos com factos e resultados de pesquisas para apoiar as suas reivindicações. Certifique-se de todas as fontes de informação, mesmo se o fato é de conhecimento comum, pois uma fonte neutra não dá muita credibilidade.
  • Nas cartas de mala direta ou em certos anúncios onde os textos estão na forma de uma carta de um indivíduo específico, ajuda incluir uma foto dessa pessoa.

Mas ao contrário das “tradicionais” cartas da indústria imobiliária e outros anúncios semelhantes, eu colocaria a foto no final da carta, perto da sua assinatura, ou no meio da cópia, em vez de colocar na parte superior porque vai desvirtuar o seu título.

E … se a sua carta de vendas é de um indivíduo específico, não se esqueça de incluir as suas credenciais ao estabelecê-lo como um perito no seu campo (relacionadas ao seu produto ou serviço, é claro).

  • Se aplicável, citar nenhum prêmio ou análises de terceiros que o produto ou o serviço de terceiros tem recebido.
  • Se você vendeu um monte de produtos, diga-lhes. É o velho ditado “10 milhões de pessoas não podem estar erradas” (esses 10 milhões até podem estar errados, mas o seu prospecto provavelmente vai ficar do seu lado neste assunto).
  • Inclua uma política de retorno e deixe isso claro! É somente uma boa política de negócios. Muitas vezes, oferecendo uma garantia de reembolso a dobrar para determinados produtos resultará em maiores lucros.

Sim, você vai ter mais reembolsos, mas se você vender três vezes mais produtos do que anteriormente, e só tiver que a restituir o dobro que anteriormente, pode valer a pena, dependendo da sua oferta e do retorno sobre o investimento.

Triture os números e veja o que faz sentido. Mais importante, teste! Fazê-los pensar: “Puxa, não seriam tão generosos com as devoluções se não for mesmo o que eles estão a prometer sobre o seu produto!”.

  • Se você conseguir adicionar um endosso de celebridades, isso ajuda a estabelecer credibilidade. Puxa, se o Pelé recomendar o seu produto e suportar o que você promete, deve ser verdade!
  • Quando fizer sentido, use testemunhos de terceiros. O que são testemunhos de terceiros? Aqui estão alguns exemplos de alguns sites que eu escrevi quando eu não tinha ainda muitos depoimentos de clientes.
  • Revele uma falha no seu produto. Isso ajuda a aliviar o síndroma “bom demais para ser verdade”. Revele uma falha que não é realmente uma falha. Ou revele uma falha que é menor, apenas para mostrar que você está sendo aberto, sobre as deficiências do seu produto.
LEIA TAMBÉM:  O que é Marketing Multinível e como funciona na pratica

Exemplo:

“Você provavelmente está a pensar agora que esta raquete de tênis é um milagre – e é. Mas devo dizer-lhe que ele tem um pequeno defeito.

A minha raquete leva cerca de 2 semanas para você se acostumar. Na verdade, quando você começa a usá-la, o seu jogo vai realmente piorar. Mas se você continuar a usá-la, você verá uma melhoria tremenda nos seus serviços, no jogo de rede,” … e assim por diante.

Há uma tendência para pensar, com todos os anúncios com que somos bombardeados nos dias de hoje, que cada anunciante está sempre mostrando somente o que é melhor. E eu acho que essa linha de raciocínio é aberta.

Mas não é refrescante quando alguém se destaca da multidão e é honesta? Em outras palavras, o leitor vai começar a acreditar subconscientemente que você está revelando todas as falhas.

  • Use “notas de elogio” Estas breves notas são de uma pessoa com autoridade. Não necessariamente de uma celebridade, apesar de que pode adicionar também credibilidade.

Uma pessoa de autoridade é alguém reconhecida no seu campo (que está relacionada com o seu produto) e que estão qualificadas para falar. As notas elogiadoras podem ser distribuídas como inserções, numa página separada, ou mesmo como parte do texto. Como sempre, teste!

  • Se você estiver limitando a oferta com um prazo em que termina numa determinada data, certifique-se o prazo é real e não muda. Os prazos que mudam todos os dias reduzem a credibilidade.

O prospecto ficará com suspeitas “se a data limite continua a mudar, ele não está dizendo a verdade … eu me pergunto sobre o que mais ele não está dizendo a verdade”.

  • Evite “exageros”. Infundados que eu discuti na minha dica anterior. Disse o suficiente.

 

5. Um título poderoso

Se for fazer uma única modificação para aumentar a sua taxa de resposta, concentre-se no seu título (você tem um, não é?).

Por quê? Porque haverá cinco vezes mais pessoas a ler o título do que o seu texto. Muito simplesmente, um título … é um anúncio para o seu anúncio.

As pessoas não vão parar suas ocupadas vidas para ler o seu texto, a menos que você lhes dê uma boa razão para fazê-lo. Assim, uma boa frase sobre Marketing Multinível promete algumas novidades e um benefício.

Talvez você esteja pensando: “Que história é essa das novidades?”

Pense na última vez que você “navegou” através do seu jornal local.

Você passou com os olhos pelos artigos, um por um, e, ocasionalmente, um anúncio pode ter agarrado a sua atenção. Quais foram os anúncios mais propensos a chamar sua atenção?

Os que pareciam um artigo, é claro.

Aqueles com um título que prometem novidades.

Aqueles com tipos de fontes que se assemelhava muito aos tipos de fontes utilizados em artigos.

Os que foram colocados onde os artigos foram colocados (em vez de serem colocados numa página cheia de anúncios, por exemplo).

E aqueles com os títulos mais atraentes que o convencem de que valem a pena alguns minutos para ler o texto.

O título é por isso poderoso e importante; ele pode ser uma frase sobre Marketing Multinível muito persuasiva.

Eu já vi muitos anúncios ao longo dos anos que não possuem sequer um título. E isso é bobagem. É o equivalente deixar para o lixo um bom dinheiro gasto em publicidade.

Por quê? Porque a sua resposta pode aumentar drasticamente, não pela a adição de um título, mas fazendo esse título quase irresistível ao seu mercado-alvo.

E aquelas três últimas palavras são importantes. “Seu mercado alvo”.

Por exemplo. Dê uma olhada no título seguinte:

Anunciando: “Novas Luvas De Tecnologia De Ponta Protegem Contra Resíduos Perigosos.”

Notícias, e um benefício,

Será que o título apela a todos?

Não, e você não se importa com todos.

Mas para as pessoas que lidam com resíduos perigosos, irão com certeza gostar de saber sobre esta pequena joia.

Este é o seu mercado-alvo, e é seu trabalho levá-los a ler o seu anúncio. O seu título é a maneira de fazer isso.

OK, agora, onde você encontra grandes manchetes?

Você olha para outros anúncios bem-sucedidos (especialmente de resposta direta), que têm resistido ao teste do tempo. Você olha para os anúncios usados regularmente em revistas e noutras publicações. Como é que você sabe que eles são bons?

Porque se eles não fizessem o seu trabalho, o anunciante não iria continuar a colocá-los uma e outra vez.

Você lê Revistas sobre celebridades?

Hum? Você ouviu-me corretamente.

As revistas sobre celebridades possuem algumas das melhores manchetes.

Pegue numa edição recente e você verá o que quero dizer. Ok, agora como você pode adaptar algumas dessas manchetes para o seu próprio serviço ou produto?

A aparência do seu título é também muito importante. Verifique se o tipo utilizado é negrito e de grande porte, e diferente do tipo usado no texto.

Geralmente, os títulos mais longos tendem a ser melhores que os mais curtos, mesmo quando tiver como alvo prospectos mais “conservadores”.

Desta forma você usa títulos de sucesso de outras pessoas, mas adapta-os para o seu próprio produto ou serviço. Nunca copie palavra por palavra um título (ou qualquer outro pedaço escrito). As agências de copywriters e de publicidade são notoriamente famosas por processar plágios. E com todo o direito.

 

6. Quando mais você disser, mais você vai vender

O debate sobre usar textos longos versus curtos não parece ter fim. Geralmente é um recém-chegado ao mundo do copywriting que parece pensar que os textos longos são chatos. Eles dizem “Eu nunca iria ler tanto texto “.

O fato é que sendo todas as coisas iguais, os textos longos irão superar sempre os textos curtos, e quando digo textos longos, não me refiro a textos longos e chatos, ou longos e não segmentados.

A pessoa que diz que nunca iria ler todo o texto está cometendo um grande erro em copywriting: ela está a seguir a sua reação instintiva em vez de confiar nos resultados dos testes. Ela está pensando que ele mesmo é o prospecto. E ela não é. Nós nunca somos os nossos próprios prospectos.

Houve muitos estudos e testes sobre textos longos versus textos curtos. E o vencedor é sempre o texto longo. Mas estou a falar de texto longo relevante ao invés de texto chato longo e sem ser segmentado.

Algumas pesquisas significativas descobriram que as leituras tendem a cair drasticamente a partir das 300 palavras, mas não cai novamente até cerca das 3.000 palavras.

LEIA TAMBÉM:  10 Dicas Incríveis para ter Sucesso no seu Negócio de Marketing Multinível

Se eu estou vendendo um jogo caro de tacos de golfe e enviar o meu texto longo para uma pessoa que joga golfe ocasionalmente ou sempre quis experimentar o golfe, eu estou a enviar o meu discurso de vendas para o prospecto errado.

Não é um alvo eficaz. E assim, se uma pessoa que recebe o meu texto longo não ler a partir das 300 palavras, eles não estavam qualificados para a minha oferta.

Não teria qualquer importância se lerem até à palavra 100 ou 10.000. Eles não fariam a compra de qualquer das formas.

No entanto, se eu enviar o meu texto a um jogador de golfe ávido, que recentemente comprou outros produtos de golfe caros através do correio, a pintando uma oferta irresistível, dizendo-lhe como o seu jogo vai melhorar em 10 tacadas, ele provavelmente vai ler cada palavra. E se eu tiver segmentado a minha mensagem corretamente, ele vai comprar.

Lembre-se, se o seu prospecto está a 3000 quilômetros de distância, não é fácil para ele fazer uma pergunta. Se você quiser ser bem-sucedido, você deve antecipa-se e responder a todas as suas perguntas e superar todas as objeções no seu texto.

E certifique-se você não jogar tudo que você pode pensar no texto. Você só precisa incluir tanta informação quanto você precisa para fazer a venda … e nem mais uma palavra.

Se é preciso 10 páginas de texto, que assim seja. Se é preciso um copy de 16 páginas, tudo bem. Mas, se nos testes 10 páginas vendem melhor do que o copy de 16 páginas, então, use o vencedor.

Isso significa que cada prospecto deve ler cada palavra do seu texto antes que ele encomende o seu produto? Claro que não.

Alguns vão ler cada palavra e depois voltar a reler novamente.

Alguns vão ler o título e continuam, saltam grande parte do corpo e aterram no fim. Alguns irão escancear o corpo inteiro, e então voltar e lê-lo. Todos esses prospectos podem acabar por comprar a oferta, mas podem ter todos os estilos diferentes de leitura.

E que nos leva à próxima dica.

 

7. Escreva de forma a ser escaneada

O seu layout é muito importante num texto de vendas, isto porque você quer que o seu texto tenha um olhar convidativo, refrescante para os olhos. Em resumo, você quer que o seu prospecto pare o que está fazendo e leia o seu texto.

Se ele vê um texto com margens pequenas, sem recortes, sem quebras no texto, sem espaço em branco, e sem subtítulos …. Se ele vê uma página, com palavras agrupadas densamente, você acha que ele vai ficar tentado a lê-lo?

Não é provável.

Se você tiver espaço em branco com margens amplas e generosas, frases sobre Marketing Multinível curtas, parágrafos curtos, subtítulos, e uma palavra em itálico ou sublinhada aqui e ali para dar ênfase, ele certamente vai ficar interessado em ler.

Ao ler o seu texto, alguns prospectos vão começar no início e ler palavra por palavra. Alguns vão ler o título e, talvez, o subtítulo, em seguida, ler o

“PS” no final do texto e ver de quem é o texto e, em seguida, começar do início.

Algumas pessoas vão varrer o texto, observando os vários subtítulos estrategicamente posicionados por você em todo seu texto, em seguida, decidir se vale a pena o seu tempo para ler a coisa toda. Alguns podem nunca ler o texto todo, mas comprar de qualquer das formas.

Você deve escrever para todos eles. Texto longo, interessante e atraente para o leitor que gosta dos pormenores, e parágrafos e frases curtas, espaço em branco, e subtítulos para os saltadores.

Subtítulos são os títulos menores espalhados pelo texto.

Quando você está no processo da criação de um título, alguns dos títulos que não são bons o suficiente serão bons como subtítulos. Um subtítulo força o seu prospecto a manter a leitura, cativando-o desde o início até ao fim de todo o seu texto.

 

8. A estrutura AIDA

Há uma estrutura bem conhecida nas páginas de vendas com sucesso, descrita pelo acrônimo AIDA.

AIDA representa:

  • Atenção
  • Interesse
  • Desejo
  • Ação

Primeiro, você captura a atenção do seu prospeto. Isto é feito com o seu título. Se o anúncio não consegue captar a atenção do seu prospeto, ele falha completamente. O seu prospecto não lê o seu texto estrela, e não encomenda o seu produto ou serviço.

Depois você vai construir um forte interesse no seu prospecto. Você quer que ele continue lendo, porque se ele continuar a ler, ele pode comprar.

A seguir, você canaliza um desejo. Ter um mercado-alvo para isto é chave porque você não está tentando criar um desejo em alguém que não o tem. Você quer capitalizar num desejo já existente, que o seu prospecto pode ou não pode saber que ele já tem. E você quer que o seu prospecto deseje a experiência que o seu produto ou serviço oferece.

Finalmente, você apresenta uma chamada à ação. Você quer que ele pegue o telefone, devolva a carta de resposta, assista à apresentação de vendas, encomende o seu produto, ou seja o que for.

Você precisa pedir a venda (ou uma resposta, se esse é o objetivo). Você não vai querer rodeios nessa altura. Se a sua carta e a estrutura AIDA for sólida e convincente, é aqui onde você apresenta os termos da sua oferta e deseja que o prospecto aja agora.

Muito tem sido escrito sobre o copywriting da fórmula AIDA. E eu gostaria de acrescentar mais uma letra na sigla: S para Satisfazer

No final, após a venda ser realizada, você quer satisfazer o seu prospecto, que agora é um cliente. Você tem que entregar exatamente o que você prometeu (ou até mais), nos prazos que você prometeu, da maneira que você prometeu.

Em resumo, você quer dar-lhe todas as razões do mundo para confiar em você da próxima vez que você lhe fazer uma nova oferta.

E é claro que você deseja que ele não lhe devolva o produto (embora se ele o fizer, você deve executar a sua política de retorno, tal como prometido).

De qualquer maneira, você quer que os seus clientes estejam satisfeitos. Eles vão fazer com que você ganhe muito mais dinheiro a longo prazo.

 

Conclusão

Bom copywriting é feito, não nasce. É derivado de resultados de testes comprovados e projetados para fazer uma coisa e fazê-lo bem: Vender.

A publicidade eficaz nem sempre é “gramaticalmente correta” em Português. Ela usa frases curtas e fragmentos.

Ele convence-o a comprar, e a comprar agora. Ponto final.

Ela fala sobre benefícios, não características. Vende no anúncio a emoção e reforça a decisão de comprar com lógica.

Ela pinta um retrato convincente e tem uma oferta irresistível que obriga o seu prospecto a agir e a agir agora! E se isso não acontecer, então você não tem qualquer interesse no anúncio.

A persuasão eficaz é como o seu vendedor top que continua a quebrar os records de todas as suas vendas e cadastros do ano, multiplicada por milhares ou milhões! Imagine se esse vendedor, o único com resultados comprovados, poderia ser multiplicada tantas as vezes como você gostaria.

Isso seria marketing eficaz (e eficiente)!

Esse é tipo de marketing multinível digital provado que você precisa de usar.

 

Ben Popov

Consultor de Marketing Digital e Marketing de Rede com mais de 15 anos de experiência. Fundador da AulaPlus - Marketing Digital e BlasterPhone Telecomunicações. Ben é "importado" da Bulgária e mora no Brasil desde 2000.

Deixe um comentário

4 Comentários em "8 Técnicas de Escrever Frases e Anúncios Irresistíveis para Marketing Multinível"

Notificar sobre
avatar
Ordenar por:   os mais novos | os mais antigos | mais votados
Doni
Visitante

Excelente artigo meu Amigo, muitas pessoas serão beneficiadas com eles. Sucesso!

Márcia Stibe Dumont
Visitante

Excelente artigo!! Me ajudou muito, recomendo a todos!!

wpDiscuz